Cassiopeia

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Um brinde de cianureto.jpg Este artigo contém VENENO!

Este artigo... precisa de antídoto... Ele pode se tratar de... algum animal, pessoa, lugar... ou composto... Ele pode... conter materiais tóxicos... como lactose ou glúten... Chupe a picada ou morra... argh! (morri)

Cquote1.png Você quis dizer: Caralhopeia? Cquote2.png
Google sobre Cassiopeia

Cquote1.png Não me acha bonita...? Cquote2.png
Cassiopeia na tentativa falha de seduzir o jogador

Cquote1.png Essa mulher cobra é muito fraquinha hehehe... o quê?.... O que é isso? COMO MINHA VIDA TÁ DESCENDO TÃO RAPIDO, NÃAAAAO! Cquote2.png
Noob alguns segundos antes de morrer no League of Legends

Cassiopeia (O Abraço da Serpente) é uma personagem irritante do jogo League of Legends. Uma mulher cobra nojenta que fica chupando a língua de minuto em minuto (o motivo de que ninguém gosta de jogar com ela), rebolando com o rabão gordo e escamudo dela. Conhecida pelo seu visual exótico, e por usar um capacete que a deixa com cabeça de pica.

História[editar]

CassiopeiaSquare2.png

A família Du Couteau é herdeira de uma fábrica de queijos e laticínios em geral do império maligno e grandioso de Noxus, responsável por causar intolerância a lactose a todos que não sejam noxianos. O dono dessa empresa, Wallace Du Couteau, conhecido por ajudar os exércitos noxianos com algumas cargas de queijo no café da manhã, e também por ser pai da linda porém mortal Katarina, uma assassina profissional com uma verruga cicatriz no meio da cara, temida por meio mói de gente no mundo de Valoran, e a irmã caçulinha Cassiopeia, uma das meninas mais linda de Noxus, porém mais venenosa e falsa que sogra em um jantar de família. Cassiopeia, sempre teve um pouco de inveja da irmã. Por ser um pouco baranga demais e ligar mais para homens e jóias do que em lutas e treinamentos de batalha, nunca conseguiu obter o sucesso que a sua irmã tinha em campos de batalha, na maioria das vezes fazia escândalos quando apenas borrava o esmalte. Katarina sentia vergonha de sua irmã frouxa e desmiolada, que achava que uma luta tinha o mesmo valor de um banho de loja, mas o pior era a competitividade de Cassiopeia com a irmã pra ver qual era a mais bonita. O pai não ligava muito para as duas, já que usava uma para matar inimigos mortais da família, e a mais nova para seduzir homens ricos e pegar todo dinheiro para ele, então tanto faz qual era a mais bonita, podem se matar ai e para ele estava de boa.

Quando dizem que Cassiopeia é uma personagem papel ninguém acredita.

Em uma dessas festas luxuosas em homenagem ao exército glorioso de Noxus, onde normalmente Darius enchia a cara e acabava descabeçando algumas pessoas, Cassiopeia teve a oportunidade de conhecer um homem misterioso. O que atraia a Cassi naquele homem, era o fato de justamente ele não se atrair pelo seus grandes peitos por sua personalidade sedutora. O tal homem, combinou de se encontrar com Cassiopeia em um de seus cômodos luxuosos nos territórios de Noxus, se era pra furunfar ou tratar sobre negócios ela não sabia. Quando chegou lá, o homem prometeu realizar o maior desejo de Cassiopeia, ela então pediu para ser mais bonita que a sua irmã, e não demorou muito para que a mágica a transformasse, em uma terrível e grosseira cobra. Com raiva da traição do misterioso, ela o cortou em pedacinhos, e partiu para casa chorando por ter se tornado mais feia ainda - o cara na verdade só soltou o feitiço errado e acabou virando comida de jararaca.

Cassiopeia decidiu procurar uma renomada macumbeira em Noxus com o objetivo de voltar ao normal. Entretanto, a velha era uma charlatã de primeiro escalão, e como esperado, não conseguiu resolver o problema. Cassiopeia, puta da cara, decidiu transformar a filha da mãe em pedra, e partiu para Shurima, já que em Noxus as oportunidades de emprego para mulheres-serpentes eram muito escassas. Em Shurima, Cassiopeia abriu uma loja focada em tapear caçadores de recompensas vendendo mapas do tesouro falsos e relíquias sem valor nenhum, faturando uma grana em cima de trouxas de toda Runeterra.

Entretanto, certo dia ela conhece Sivir, que já era experiente no ramo e sabia muito bem qual era a dessas lojinhas vagabundas no meio do nada. Sivir disse que só lhe pagaria o valor se o mapa e a chave que o acompanhava, que tinha o formato do basilisco de Harry Potter, fossem verdadeiros. Aquilo obrigou Cassiopeia a partir com ela rumo a uma pirâmide perdida no cu do mundo em busca de um suposto tesouro. Cassiopeia aceitou de boa, mas decidiu que assim que chegassem lá meteria veneno no pescoço da malandra da Sivir na primeira oportunidade e enterrar seu cadáver por lá mesmo.

Porém, para sua surpresa, assim que chegaram lá, aquela tralha toda parecia de fato ser verdadeira, e tudo indicava que realmente havia uma grande probabilidade de haver de fato um tesouro por lá. Caso o tesouro fosse muito valioso, Cassiopeia não precisaria mais jogar sua vida fora como contrabandista de objetos vagabundos. Logo, assim que Sivir virou as costas, Cassiopeia, como a boa psicopata que era, meteu-lhe uma peixeira envenenada bem no meio das costas, deixando-a para morrer enquanto agonizava mais que um leitão com a perna quebrada. Logo, ao encontrar uma estátua gigantesca em formato de serpente, ela usa sua chave em formato de basilisco para abrir o treco e passar a mão pegar seu passaporte de entrada para o mundo da fama, sucesso e riqueza. Infelizmente, para sua decepção, não existia nada dentro daquela câmara, apenas uma geladeira diabólica ambulante e um cosplay barato do Zé Jacaré. Dessa forma, Cassiopeia após perceber que não serviria para nada além de um monstrinho de estimação da família Du Couteau, mesmo sendo vendedora de bugigangas no meio do deserto, entrou na League of Legends para lutar nos campos da justiça e descontar a sua feiura nos outros. Quanto a Sivir, reza a lenda que ela teria sido salva por Hórus, que veio pessoalmente lhe oferecer a bênção divina, alguns dizem que ela está até agora esperando se vingar de Cassiopeia e tornar novamente o Acre um belo reino.

Habilidades[editar]

A tática de jogo de uma Cassiopeia, é ir tirando a vida do oponente aos pouquinhos com um veneno assassino pior que aqueles que tem em anel de vilão em novela, fazendo ele voltar base porque não é um otário de ficar na mid lane levando uma sova sem reação (ou não) e do mesmo jeito acabar virando kill grátis. Essa tática de jogo só funciona pelo motivo de as habilidades de Cassiopeia serem altamente apelonas, como por exemplo o Q dela que pode ser usado de 0.32 milésimos em 0.32 milésimos, ou o E que pode ser ativado em 0.043 centésimos de milésimos.

Cassiopeia e seus piolhos dando um cochilo.

Graça serpentina (PASSIVA): Se a Cassiopeia quebrar uma tecla do teclado por usar muitos feitiços seguidos, ela é reposta em uma tecla nova. Essa passiva não tem efeito se todas teclas já tiverem sido quebradas,a cada vez que a cassiopeia estrupar seu inimigo ela ganha mais velocidade a cada transa se o inimigo for um negão,marombeiro ou ser um cafetão a velocidade chega ao máximo.

Explosão Venenosa: Cassiopeia usa um hadouken verde teleguiado que explode no chão e envenena todo mundo até a morte.

Miasma: Cassiopeia vomita 8 bolas fedidas que quando caem no chão ficam lá evenenando por mais de 30 minutos os inimigos e o pior além de dar slow tu não pode :correr,usar flash,dash,nem mesmo pedir ajuda! Jogadores gostam de usar essa habilidade para garantir que o inimigo não fuja da cama.

Presas Duplas: Cassiopeia arranca suas unhas postiças velhas e jogam sobre o oponente por achar que ele é um grande e enorme balde de lixo. Se as unhas estiverem pintadas causam dano mágico extra, e o pior de tudo essa habilidade só tem 1 segundinho de cooldown! É uma metralhadora de unhas postiças! e o pior a habilidade cura a filha da puta! Se já não era ruim ficar todo cagado de veneno tu vai sair parecendo um porco espinho chapado no suco de uva!

Olhar Petrificador: Cassiopeia utiliza uma técnica milenar grega ensinada pela sua prima Medusa, pra transformar todo mundo em estátua de praça pública. Oponentes de costa para Cassiopeia no momento da utilização desse feitiço possuem apenas a bunda empedrada, e não o corpo inteiro,se o inimigo for tarado oque vai virar duro feito pedra vai ser outra coisa...

Dicas[editar]

  • Jogando de Cassi: pode deixar um peso de papel sobre o Q e ir dormir, serão garantidas no mínimo 10 kills.
  • Aproveite quando o otário do oponente estiver farmando achando que nada vai acontecer, e meta veneno sobre ele, vai que ele é burro e não percebe que tá sobre uma poça de veneno e morra lentamente.
  • Cassiopeia é forte contra oponentes com vara curta. Use isso em sua vantagem.
  • Sempre que matar um inimigo e ele for noob vomite na cara dele e ria como uma égua no cio, tem uma taxa de 87% que ele vai quitar de raiva ou começar a trollar.