Cale

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Você quis dizer: Cale-se Cquote2.png
Google sobre Cale

Cale é uma das luas (ou satélites naturais para os astrônomos não emputecerem) de Júpiter. O satélite é conhecido pelos seus respeitados 22 milhões de quilômetros quadrados de área, sendo que apesar do número grande, o satélite não é grande o suficiente para que as pessoas sequer reconheçam sua existência.

Algum dia, talvez usem Cale como lixão, pois isso seria uma boa alternativa para se livrar de todo o lixo da Terra de maneira plausível, sendo que Cale com lixo não fará a menor diferença.

Descobrimento[editar]

O descobridor de Cale era um desocupado que como não tinha nada melhor para fazer, preferiu ficar admirando todos aqueles satélites de Júpiter e por acidente descobriu este defunto. O nome original seria S/2009 J, mas preferiram colocar Cale devido a celebre frase do filósofo Quico:

Cquote1.png Cale-se! Cale-se! Você me deixa louucoooooooo! Cquote2.png
O motivo do nome do satélite

E assim, o nome da lua era mais escroto do que os numerais que haviam dado para ela. Bem, pelo menos serviu de exemplo para alguns cientistas pararem de brincar no trabalho, pois universitários virgens estavam fazendo as novas descobertas da ciência.

Comportamento orbital[editar]

Representação gráfica de Cale, observe como o satélite é chato nos polos.

Estranho falar disso em um site de humor, não?

Sendo que é uma lua minúscula, a órbita dela é excêntrica, lembrando muito uma rosca mesmo. Existe alguma forma de Cale se livrar dessa órbita miserável que lembra tantos os gays no geral? Existem duas saídas:

  • Cale dar um fim nisso tudo e ser sugada (ui!) para dentro de Júpiter onde ela terá uma vida mais feliz com um ar mais limpo do que a atmosfera de São Paulo que conseguiu levar a poluição para todo o sistema solar, baixando o valor do terreno.
  • Cale dar uma fugidinha de Júpiter e virar um asteróide, e não uma lua idiota de órbita de rosca envolta de um planeta.

Missões[editar]

Nunca mandaram nenhuma missão para Cale. Só a Voyeur I que passou por lá, mas sequer deram atenção para o borrão branco que foi achado na foto: pensaram que como não podia ser um planeta e como se parecia com um asteróide, Cale foi considerada apenas um defeito do Photoshop.