Cáucaso

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Somebody set up us the bomb!!!

Esta página contém elementos bélicos, químicos, atômicos ou bombásticos,
podendo causar um grande estrago no computador (e na mente) do leitor.
Exploding-head.gif
Donramontaliban.jpg

"Vai tomar no cu", em árabe
Brimo, este artigo é árabe!
Se você entrar no harém dos outros, correrá sério risco de ficar sem petróleo

NewBouncywikilogo.gif
Para os neo-ateus que preferem acreditar em mentiras, os supostos experts da Wikipédia têm um artigo sobre: Cáucaso.

Cquote1.png Você quis dizer: Bomba relógio? Cquote2.png
Google sobre Cáucaso
Cquote1.png Você quis dizer: Oriente Médio 2 Cquote2.png
Google sobre Cáucaso

O Cáucaso é uma região que alguns dizem que fica na Europa enquanto que outros afirmam que fica na Ásia, por isso é conhecido como Terra de Ninguém. O certo mesmo é que ninguém quer viver nesse inferno. Foi lá que surgiram os primeiros torcedores do Grêmio.

História[editar]

Divisão dos terrenos baldios no Cáucaso

O pouco que se sabe da história dessa região, a não que eles gostam de algumas guerrinhas diárias e explodirem-se uns aos outros, é que Deus pôs lá a Arca de Noé e também bastante petróleo e montanhas. Durante toda a história do Caucaso, a Rússia e o Império Otomano (Turquia pra quem não sabe) ficaram brigando por causa de alguns terrenos baldios na area. Depois da Primeira Guerra Mundial, os comunistas invadiram e passaram a dominar a região.

Conflitos[editar]

Durante muito tempo, por incrivel que pareça, essa região esteve em paz, isso porque Stalin mandava para o paredão todos que quisessem guerrar. Dessa forma, o pessoal do Caucaso durante muito tempo ficou sem praticar seu esporte favorito.

Só que, após 1989, quando a URSS se fudeu desapareceu surgiram novos países na região (Armênia, Geórgia e Azerbaijão), enquanto que os seis terrenos baldios do norte do Caucaso permaneceram como escravos da Russia. Os três novos países são confrontados a graves dificuldades econômicas e estão atolados em conflitos: a Armênia e o Azerbaijão disputam quem vai dominar uma joça chamada Nagorno-Karabakh, região que o Azerbaijão, diz que é dele, mas quem manda lá é a Armênia, enquanto que a Geórgia teve que enfrentar a Abecásia e a Ossétia do Sul que querem ficam independenttes. Além disso, a Rússia, está se fudendo com a Chechênia.

Economia[editar]

Imagem cotidiana do Caucaso.

Exportação de petróleo (é só isso que tem lá) e importação de armas, bombas e etc. Só que, após 1989, quando a URSS se fudeu desapareceu surgiram novos países na região (Armênia, Geórgia e Azerbaijão), enquanto que os seis terrenos baldios do norte do Caucaso permaneceram como escravos da Russia. Os três novos países são confrontados a graves dificuldades de gagar no mato

Política[editar]

A política no Caucaso é a ausência de política e partir para a apelação mesmo. E quem matar o outro primeiro leva a terra.

Esporte[editar]

Além é claro do tiro ao alvo e do campo minado, eles praticam também arremeço de granada, explosão de obstaculos, lançamento de mísseis, etc.

Ver também[editar]