Bandeira da Romênia

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Romênia
Bandeira da Romenia.png

Bandeira da Romênia é uma tricolor vertical entre as cores azul-água-do-danúbio, amaerelo-mijo e vermelho-sangue-da-jugular. Estas cores compunham o estandarte de Van Helsing, o responsável por unificar a Romênia no século VI.

História[editar]

A criadora da bandeira foi Nadia Comăneci em 1848, animada com a Revolução da Valáquia, copiou o formato da bandeira da França, país que desde aquela época era o que tinha de mais fashion e vanguardista no mundo. O azul representava os ciganos, o amarelo as ginastas e o vermelho os vampiros.

Entre 1859 e 1866 os Principados Unidos do Reino Vampírico da Valáquia e Transilvânia adotaram além da tricolor típica, um pentagrama para simbolizar a cultura pagã romena que acreditava em lendas wicca como Lado Iluminado da Força e essas coisas.

Com a conquista da Romênia por Vladslav Ceauşescu Drácula II, como forma de domínio vil e perverso ele não teve dúvidas em instaurar o comunismo, por isso um brasão vampiros foi introduzido na listra central amarela da bandeira. Por isso que na Revolução romena de 1989 os revolucionários recortavam fora o brasão ficando um buraco no meio da bandeira, alguns colocaram ali o símbolo do Batman, herói do movimento nacionalista de Gothan City a antiga capital da Romênia comunista

Lembrando que a bandeira romena foi também introduzida nas suas colônias Moldávia, Andorra e Chade, onde permanecem como respectivos símbolos nacionais até hoje.

Bandeira atual[editar]

A bandeira atual não mudou grandes porras das bandeiras anteriores. Removeram o brasão comunista, mas aquela listra vermelha na bandeira não engana ninguém sobre os meios subliminares de socialismo da Romênia.

Significados[editar]

  • Azul - Simboliza a liberdade.
  • Amarelo - Simboliza a igualdade justiça, porque igualdade não existe na Romênia.
  • Vermelho - Simboliza o comunismo o sangue que o drácula se alimenta a fraternidade.

Evolução da bandeira[editar]