Bandeira da Indonésia

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Indonésia
Bandeira da Indonesia.png

Bandeira do Mônaco da Indonésia é uma mera bandeira da Polônia, só que invertida. É considerada pelo Guinness World Records a bandeira mais fácil de desenhar do mundo (empatado com a bandeira do Mônaco).

História[editar]

Historicamente, o atual território da Indonésia era composta por uma série de sultanatos, alguns com bandeiras e outros sem criatividade nem isso. A bandeira do Sultanato de Achém, por exemplo, era uma cópia da bandeira do Império Otomano (já demonstrando que a mania de copiar os outros dos indonésios vem de séculos). A bandeira do Sultanato de Banten tinha um fundo amarelo-gema-de-ovo com a gravura de um alicate, instrumento pelo qual os dentistas do reino resolviam os problemas de dor de dente. A bandeira do Sultanato de Mataram já era um pouco mais excêntrica, pois além de um smile representando uma morte, havia ainda dois guarda-chuvas cruzados.

É a partir do século XVII que os neerlandeses chegam na Indonésia e iniciam o período colonial, instaurando a bandeira Pringlesvlag da Companhia Neerlandesa das Índias Orientais e a logomarca registrada da Pringles.

Bandeira atual[editar]

A atual bandeira adotada após a Revolução da Indonésia de 1945 é uma clara homenagem aos seus colonizadores poloneses. Teoricamente, deveria ter uma metade inferior branca, porém devido ao alto acúmulo de poluição em todo arquipélago indonésio, manter a coloração branca e limpa é completamente inviável.

Significados[editar]

  • Vermelho - Simboliza o comunismo.
  • Branco - Simboliza o crescimento, educação, economia, produção e IDH sustentável e estável da Indonésia.

Evolução da bandeira[editar]

Época dos sultanatos[editar]

Época colonial[editar]