Atmosfera

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Atmosfera é o nome científico do ar, um elemento fictício inventado por Tales de Mileto. Na Terra a atmosfera é um grupo rarefeito de átomos incolores, inodoros e insípidos que abundam e cercam o planeta graças ao poder da gravidade. É graças à atmosfera que podemos respirar.

Pressão atmosfera[editar]

Típica situação que só ocorre em virtude da pressão atmosférica.

A pressão atmosférica é uma coisa que se fala muito nas aulas de física das quais eu certamente faltei. Todavia pode ser definida como a força do ar em dada área de superfície. Apesar da aparência inofensiva da invisibilidade do ar, ele é capaz de explodir cabeças só com a pressão.

Atmosfera terrestre[editar]

Importância[editar]

A principal importância da atmosfera terrestre é ocupar espaço. Além disso, protege o Planeta Terra de coisas como radiação solar, meteoros e invasões alienígenas, pela combinação de O2 e CO2 mortal para qualquer forma alienígena. A atmosfera também serve como combustível para o fogo.

Composição[editar]

Imagem da atmosfera de perto.

A atmosfera terrestre é composta de 20% por vento, 30% de éter, 10% de micro-plânctons voadores e 40% de ar. Devido à grande quantidade de éter, vento e ar, a atmosfera tem uma natureza etéria e leve.

Precauções[editar]

A atmosfera causa diversas doenças ao organismo humano, como rinite, gripe, bronquite e câncer de fígado, sendo que a atmosfera é o agente transmissor dessas terríveis doenças.

O contato prolongado com a atmosfera causa respiração, uma mortal doença que causa oxidação do organismo, seu envelhecimento e consequentemente sua morte.

Curiosidades[editar]

  • Não existe atmosfera no espaço.
  • A Bolívia nacionalizou a atmosfera sobre o território nacional.
  • É um lugar favorável a encontrar o ET Bilu

Ver também[editar]

Camadas da Atmosfera Terrestre
Troposfera | Estratosfera | Mesosfera | Termosfera | Exosfera
Outras camadas: Camada de ozônio | Cinturão de Van Allen | Ionosfera | Magnetosfera